“É natural que a vida corrida do dia a dia faça com que optemos por soluções mais práticas, mas infelizmente nem sempre saudáveis. É assim com a alimentação. O consumo de alimentos industrializados aumentou por uma série de motivos: maior variedade, por serem gostosos e também por estarem à mão. De rápido preparo ou prontos, são opções que deveriam aparecer com menor frequência em nosso cardápio. Já os vegetais deveriam aparecer em frequência maior. Por quê?

Além de relacionados à incidência da obesidade, os industrializados podem levar à constipação, quando a pessoa passar a ter dificuldade em evacuar, apresenta inchaços no abdômen e cólicas. É fato: esse problema acomete principalmente as mulheres, mas as crianças e os homens não estão livres. A gestação, a menstruação, a menopausa e o climatérico, situações que envolvem alterações hormonais, explicam essa ocorrência, mas uma alimentação pobre em fibras (lembre-se: os vegetais são ricos nelas) é o principal agravante para não ir ao banheiro com a frequência esperada.

Deixe de lado

Somada a isso, existe a vergonha. Apesar de o ato de evacuar consistir numa resposta fisiológica do organismo, as mulheres, em geral, ficam constrangidas quando precisam usar o banheiro, ainda mais se não estiverem em suas próprias casas. Só que ao inibir esse reflexo, a constipação se acentua. Aliás, pode até induzir outros males, como diverticulite, hemorroidas e até câncer de intestino.

Por isso, não só deixe a vergonha de lado, mas também inclua novos bons hábitos na sua rotina. Além de abusar dos vegetais na dieta, beba bastante água, pratique exercícios físicos e evite a automedicação para tentar resolver o problema. Ir ao banheiro é algo natural, respeite as necessidades de seu organismo.”

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here